Serra = Baixaria


Serra apela de novo à baixaria

Por Ricardo Kotscho, no blog Balaio do Kotscho:

A natureza humana pode tardar, mas não falha. E a história se repete como farsa. Ao chegar a malufianos 46% de rejeição, o candidato tucano José Serra jogou os escrúpulos à favas, rasgou a fantasia e, como costuma fazer quando se vê acuado, partiu de novo para a baixaria eleitoral.
Nem a presidente Dilma Rousseff escapou dos seus ataques de ira diante dos novos números negativos da pesquisa Datafolha divulgados na quarta-feira, que reforçam a possibilidade dele ficar fora do segundo turno.

“Ela vem meter o bico em São Paulo, vem dizer aos paulistanos como é que eles devem votar. Ela que mal conhece São Paulo vem aqui dar o seu palpite”, disparou Serra, num dos seus melhores momentos de Serra.

Ela, no caso, é a presidente Dilma, que apóia, vejam só!, o candidato do seu partido, Fernando Haddad. Por sua reação, Serra deve achar que só tucanos podem meter seu bico grande nas eleições paulistanas, como fez o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso para apoiar o candidato do PSDB, com toda pompa e circunstância, como se estivesse falando numa rede nacional de rádio e televisão.

Parece não ter dado muito certo o único “fato novo” criado pela campanha de Serra nos dias anteriores à pesquisa. A rejeição do tucano aumentou mais quatro pontos e a intenção de votos caiu mais um. O “saldo negativo” do candidato do PSDB na pesquisa, comparando a rejeição com o índice de intenção de votos, que caiu para 20%, já é de 26 pontos.

Em entrevistas raivosas e ensandecidos comerciais de televisão, o tucano foi à guerra, atirando para todo lado. Como já era de se esperar, colocou o julgamento do mensalão na roda.

“Sabe o que acontece quando você vota no PT? Você vota, ele volta. Fique esperto. É o velho PT em nova embalagem”, atacou Serra por meio de um narrador terceirizado nos comerciais em que o candidato petista aparece ao lado de José Dirceu e Delúbio Soares, réus no processo.

A nova ofensiva tucana fez Fernando Haddad também subir o tom, deixando de lado o modo cordato como vinha conduzindo sua campanha até aqui, sem ataques aos adversários. O petista também pegou pesado:

“Ele está batendo recordes atrás de recordes de rejeição. Daqui a pouco não vai poder circular pela cidade. A baixeza de Serra é conhecida, e ele está pagando por isso. A população repudia o estilo dele de fazer política. Não é só questão de decadência política. É um problema de estilo. Ele é useiro e vezeiro em baixar o nível. É da genética dele”.

Na guerra deflagrada entre PT e PSDB por uma vaga no segundo turno, quem acabou ganhando com o novo confronto foi o líder nas pesquisas, Celso Russomanno, do PRB, que só ficou assistindo ao tiroteio e continua nadando de braçada.

Os marqueteiros-estrategistas dos dois partidos repetem assim o mesmo erro cometido desde o início da campanha de 2012: ficam batendo no adversário histórico e se esquecem da autonomia do eleitor que, até aqui, escolheu uma terceira via fora da polarização entre tucanos e petistas, tirando votos dos dois lados.

Também neste campo os números do Datafolha não são nada animadores para José Serra. Dos eleitores de Russomanno que podem mudar de voto, 27% escolheriam Haddad; 20%, José Serra. Na pesquisa anterior, a situação era inversa: 26% optavam por Serra; 19% por Haddad.

Indagados sobre em qual candidato não votariam de jeito nenhum, 63% dos eleitores de Russomanno responderam Serra, e 19%, Haddad.

Ou seja, para onde olha, Serra só vê nuvens negras do horizonte. Agora, só falta o candidato tucano pedir para os eleitores pegarem em armas, eliminarem os adversários a bala e lhe assegurarem a vitória por aclamação. Alguns blogueiros celerados que o apoiam já estão chegando a este ponto.

Muita calma nesta hora.

.
Anúncios

Deixe seu comentário, obrigado!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s